top of page

CONVERSAS CONSTRUTIVAS EM MOMENTOS DE CRISE.

"Nós somos o nosso modo de liderar." (Brené Brown)



Em momentos de #CoronaVírus, ou qualquer crise que possamos enfrentar, a confiança em nós mesmos e na nossa equipe é essencial. Construir uma base de confiança consiste no desafiador processo de aprender e desaprender, praticar e errar e sobreviver a esses erros.


Agora é hora de compreender o que nossa equipe está sentindo e precisando, quais são seus anseios, seus medos. Muitas fantasias estão rondando seus pensamentos e isso interfere diretamente no seu emocional e consequentemente na sua produtividade.

Necessitamos construir uma base sólida, através do #autoconhecimento, tendo consciência dos nossos comportamentos e do impacto deles na nossa equipe. Muita prática, principalmente de novas ações, pois se queremos reações diferentes da nossa equipe, precisamos pensar também em nossas novas ações, pois ação e reação é uma lei da física. Se mudo minha ação, automaticamente terei reações diferentes. Faz sentido para você? Ao reconhecermos o que precisamos mudar, o que nos limita e o que nos traz insegurança, podemos construir uma base que nos faz crescer e apoiar a nossa equipe.


Você já deve ter ouvido falar diversas vezes: “Transforme ameaças em oportunidades.”. Então, este é o momento. Aproveite esta oportunidade e se aproxime da sua equipe, aliás, eles estão precisando de você mais do que nunca, pois você é referência para eles. Reforce o seu propósito como líder. Comunique de maneira clara o que você está pensando, sentindo e quais as possibilidades de enfrentarmos juntos este momento.

Pensando nisso, criei este guia para te relembrar o que você já sabe e dar algumas dicas. Tenho certeza de que você é o melhor líder que pode ser, mas sempre podemos melhorar não é mesmo?


Algumas ações que você pode adotar:


  • Fazer check-ins diários ou semanais para ouvir e sentir sua equipe;

  • Converse isoladamente com os mais ansiosos;

  • Reveja com sua equipe o propósito da empresa e se você tiver o seu próprio propósito como líder, relembre-os dos seus princípios e valores;

  • Compartilhe a responsabilidade da equipe na continuidade do negócio, pois somos a organização que trabalhamos e juntos enfrentaremos o momento da melhor maneira possível;

  • Reforce porque eles são importantes e porque eles estão ali, reforçando também o propósito de cada um. Porque eles são importantes e porque estão ali;

  • Propicie um ambiente seguro e de apoio. Reforce alguns princípios como cooperação e empatia;

  • Pergunte a todos o que podemos fazer melhor e juntos. Utilize a criatividade das respostas para construir novas ações;

  • Utilize as habilidades individuais de cada colaborador e seja criativo;

  • Construa um novo olhar sobre a situação, aproveitando o momento para aprender e se desenvolver;

  • Utilize exemplos e outros momentos parecidos com a atual situação e como a empresa lidou. Melhore-a a partir da opinião da equipe;

  • Lembre-se que você está lidando com pessoas, com sentimentos e necessidades. Procure compreender, sem julgar;

  • Após as ideias serem colocadas no papel, realize acordos de resultados. Não se preocupe com o horário e sim com a entrega. Isso serve caso sua equipe esteja principalmente em home office;

  • Faça acordos das metas da semana. Alinhe com cada colaborador, se necessário, ou com a equipe se as metas forem comuns;

  • Trace com a sua equipe quais são as prioridades. O que é importante e não pode virar urgente? Quais são as prioridades desta semana?

  • Na próxima reunião reveja o que foi alinhado. O que cumprimos? O que precisamos melhorar? Quais são as novas prioridades?

  • Lembre-se de acordar o que você espera de cada um, da equipe e o que você pode oferecer a eles neste momento;

  • Neste momento, o alinhamento mais frequente faz a diferença para que a equipe se mantenha focada nas prioridades. Realize o acompanhamento diário. Crie um cronograma se necessário;

  • Fique atento às necessidades de estrutura, estímulos e reconhecimento. São necessidades emocionais, que se atendidas eficazmente, farão a diferença neste momento;

  • Utilize o #feedback como ferramenta de #desenvolvimento. Este é o momento para aprendermos e desenvolver a nossa equipe;

  • Reconheça as boas e novas ações, criando assim maior engajamento e convite a novas soluções.

"Seja você mesmo, demonstre que você está com eles."

Compreenda as suas necessidades, as necessidades da organização e principalmente as necessidades da sua equipe. Tendo uma compreensão mútua das necessidades você irá diminuir consideravelmente os comportamentos indesejados. Você está lidando com pessoas, então pense na segurança e bem-estar deles, que são necessidades importantes a serem atendidas neste momento.


Ouça, compartilhe, acate as boas sugestões da equipe que assim você criará engajamento. A equipe precisa sentir confiança que está sendo considerada. Demonstre atenção e importância quando eles estão falando.


Lembre-se: você é um gestor e gestores têm como uma das principais funções inspirar pessoas. Não são fatores externos que vão superar a crise e sim, você e sua equipe podem fazer a diferença.


Confiança é uma das principais bases da #liderança e você pode aproveitar este momento, esta oportunidade para reforçá-la e construir a equipe que você sempre desejou.

Mostre-se vulnerável neste momento de #vulnerabilidade, pois líderes com esta característica são corajosos e enfrentam situações difíceis junto com sua equipe.


Um grande abraço (com 2 metros de distância rsrs) e boas novas ações.

186 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page